Olá Visitante
Login | Cadastre-se
Bem-vindo à

Flores da Cunha

  • Pórtico
    Pórtico
  • Vista Aerea
    Vista Aerea
Bombeiros 193 / (054) 3292-5185
Brigada Militar 190 / (054) 3292-2000
Cartório Eleitoral (054) 3292-2797
Câmara de Vereadores (054) 3292-6400
Corsan (054) 3292-3610
Delegacia de Polícia (054) 3292-2100
Estação Rodoviária (054) 3292-1153
Fórum (054) 3292-1711
Prefeitura Municipal (054) 3292-1722
Táxi Central (054) 3292-2070

  • Campanário
    Campanário
  • Terra do Galo
    Terra do Galo
  • Vinícola Argenta
    Vinícola Argenta

Flores da Cunha

Desde o ano de 1876, o território que compõe o atual município de Flores da Cunha, passou a ser colonizado por imigrantes italianos, oriundos especialmente do Norte da Itália. A maior leva de colonizadores estabeleceu-se entre os anos de 1878 e 1890, época em que foi fundado o primitivo povoado de São Pedro e, posteriormente, o de São José, que reunidos, nos idos de 1885, formaram a vila de Nova Trento.

Em 1890, por ocasião da elevação da antiga Colônia Caxias a condição de município, Nova Trento tornou-se a sede do 2º Distrito. Todavia, documentos afirmam que desde os primeiros anos do século XX, uma comissão formada por lideranças comunitárias locais, descontentes com a pouca atenção dada pelo município mãe, lutava insistentemente pela emancipação do distrito, o que só foi possível ver concretizado em 17 de maio de 1924.

Pouco mais de nove ano depois, em 21 de dezembro de 1935, através de um Decreto Municipal assinado pelo então Prefeito Heitor Curra, com autorização do Conselho Municipal, alterou a denominação do município de Nova Trento para o de Flores da Cunha. Foi uma homenagem ao então governador do estado General José Antônio Flores da Cunha, que, entre outras iniciativas beneficiou o município com a instalação do telégrafo, do Laboratório Bromatológico e com estudos para a construção de um ramal férreo entre Caxias do Sul e Nova Trento.

Dentre as características que marcam o município de Flores da Cunha, é de especial valor a preservação dos saberes e dos fazeres dos colonizadores e seus descendentes. A preservação do “talian”, a fartura gastronômica, as pequenas e prósperas propriedades rurais, a intensa religiosidade, os usos e costumes, próprios daqueles que fizeram a riqueza da região Nordeste do Rio Grande do Sul.

Flores da Cunha é o Município Maior Produtor de Uvas e Vinhos do Brasil.

Contornada pela natureza exuberante, praças aconchegantes, igrejas, torres, cascatas e pelo sabor da farta gastronomia e dos vinhos que exalam o perfume da uva, Flores da Cunha, que já foi chamada de Nova Trento, é chamada carinhosamente de Terra do Galo. Localizada na Serra Gaúcha, Flores da Cunha fica a 150 km da Capital Porto Alegre e a 710m de altitude acima do nível do mar.

Desde 1994, Flores da Cunha ostenta o título de Maior Produtor de Vinhos do País. Conforme os dados mais recentes disponíveis (do Cadastro Vinícola do RS | Ibravin - SEAPPA/RS - Mapa), a produção local em 2016 atinge 120 milhões de litros. O município possui em torno de 200 indústrias vinícolas (desde pequenas cantinas rurais a grandes empresas vinícolas). E desde 2018 também ostenta o título de Maior Produtor de Uvas do País.

A paisagem tipicamente europeia é intercalada pela arquitetura italiana, construída pelos imigrantes que aqui chegaram por volta de 1877. A herança dos imigrantes, preservada nos casarios e no dialeto vêneto até os dias de hoje, na cidade e no interior, atribui ao município uma imagem acolhedora e familiar.
Além do cenário, a farta gastronomia, os vinhos, as malhas e os móveis aconchegantes são pontos fortes para aquecer os turistas.

Localizada na Serra Gaúcha, a cidade de 30 mil habitantes, tem vocação para bem servir. Visitar o Roteiro da Melhor Idade, a Rota Turística Vales da Serra (Antônio Prado, Caxias do Sul, Flores da Cunha, Nova Pádua, Nova Roma do Sul e São Marcos), a Rota das Vinícolas dos Altos Montes, o Roteiro Turístico Caminhos da Colônia ou o Otávio Rocha Vila Colonial significa contemplar lindas paisagens, provar pratos típicos da culinária italiana, excelentes vinhos e sucos, ouvir canções folclóricas, e conhecer gente hospitaleira e lugares encantadores.

   
  • Atrativos
    Em Veranópolis
     

    Tedesco Villa D'Asolo.

    Com 28.000m² em meio a uma floresta mista de araucárias, lago, criação ecológica de ovelhas, galinhas de ovos azuis, verdes e vermelhos, (coleta dos mesmos), gansos, peixes, cultivo, colheita e degustação de hortaliças, frutas, cereais e ervas ar.
     
    Veja mais informações de Tedesco Villa D'Asolo.
  • Atrativos
    Em Jaquirana
     

    Cachoeira do Passo do S.

    Localizada a 38 km de Cambará do Sul, no município de Jaquirana onde o rio Tainhas forma um lajeado de 80 metros de largura que despenca em uma bela cachoeira é ótimo local para banho e camping (sem estrutura). Quando o rio está em seu nível normal, é.
     
    Veja mais informações de Cachoeira do Passo do S.
  • Atrativos
    Em Nova Petrópolis
     

    Queda d´água Johann Grings.

    A Queda D’Água Johann Grings localiza-se na Linha Imperial, na altura do km 7 da RS 235. É uma homenagem ao imigrante que veio de Wiebeshein – Alemanha, em 1862, com a incumbência de construir moinhos no Brasil. As pedras mós tiveram que ser roladas da Picada C.
     
    Veja mais informações de Queda d´água Johann Grings.
  • Atrativos
    Em São Francisco de Paula
     

    Parque das Cascatas.

    O Parque das Cascatas está localizado em Lajeado Grande, no município de São Francisco de Paula. Além da posição estratégica entre as estradas da Rota do Sol e os Caminhos da Neve, a área dispõe das belezas naturais que a transformaram n.
     
    Veja mais informações de Parque das Cascatas.
 ,